segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Resenha

Little Joy - Little Joy (2008)

Novo projeto de Rodrigo Amarante e Fabrízio Moretti apresenta repertório de músicas recheada de violões e belas melodias


A banda formada por Rodrigo Amarante (Los Hermanos), Fabrízio Moretti (The Strokes) e sua namorada Binki Shapiro lançou recentemente (novembro) seu primeiro disco, homônimo à banda, nos EUA. Na mesma semana em que Little Joy foi às lojas, o trio disponibilizou o disco inteiro em seu MySpace para quem quisesse conferir as músicas.

O álbum foi gravado na Califórnia – onde Amarante conheceu Moretti após ter feito uma participação do novo disco de Devendra Banhart (Smokey Rolls Down Thunder Canyon).Pode-se dizer que não há nada de muito novo, porém o trabalho é de muito bom gosto.

Um ar praiano e sessentista prevalece em todas as faixas do disco. Violões quase que havaianos e o backing-vocal suave de Shapiro fazem de “The Next Time Around” a trilha sonora ideal para uma viagem de verão. E é nesse clima que o Little Joy nos faz entrar a cada música.

O interessante é a interação dos três: todos cantam e tocam como se fosse uma simples jam session, tudo parece ser feito de improviso tamanha a espontaneidade que o som nos passa. “Brand New Start” mostra a guitarra de Amarante, arrastada como sua voz. Todas as músicas seguem praticamente a mesma linha, a mais recheada de arranjos e instrumentos (teclados e metais) é “No One’s Better Sake”, o restante leva um ar mais acústico.

O disco nos faz rever alguns conceitos e lembrar que música simples também pode ser sinônimo de boa música.

Um comentário:

Nathália M. disse...

eba! ela publicou =D

quero escutar esse disco ainda. primeiro pq tá todo mundo falando bem. segundo pq é praiano hahaha adoro.

santos!